logo


As normas aqui elencadas têm por finalidade estabelecer parâmetros mínimos para que o surf seja mais seguro em nossa orla e são direcionadas as escolas de surf.

Fatos importantes a serem considerados
• O número de óbitos por afogamento em nosso país supera os 6.000 casos por ano, isto sem falar nos incidentes não fatais que chegam a mais de 100.000.
• Afogamento é a segunda causa de morte entre 1 e 9 anos de idade e terceira na faixa de 10 a 19.
• Infelizmente o afogamento ocorre em sua maioria na frente de amigos e familiares que poderiam evitar ou ajudar, mas desconhecem inteiramente como poderiam prevenir e agir. O desconhecimento ou a imprudência são muitas vezes, as causas principais destes incidentes na água.
• Mais de 80% das pessoas que se afogam em nossas praias vivem fora da orla, e, portanto não estão habituadas aos seus perigos e peculiaridades.

O SURF E A SEGURANÇA
• Com o crescimento do surf no Brasil e a entrada do surf como esporte olímpico o número de pessoas que procuram esta atividade vem aumentando vertiginosamente, e assim os riscos da atividade também.
• O surfista é o visitante mais assíduo de nossas praias, embora na maioria das vezes sem nenhum treinamento, ele acaba se envolvendo em salvamentos, que em sua grande maioria são bem sucedidos, podendo eventualmente ter um fim trágico para ambos.
• São comuns os traumas durante o surf, mas isto pode ter graves conseqüências caso este trauma afete a região cefálica e, pois isto pode provocar a perda da consciência. Nestes casos o afogamento é uma conseqüência muito provável podendo levar a morte, se não atendido imediatamente por um surfista ou instrutor da escola de surf.
• Preocupada com esta situação, a Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático – SOBRASA criou a certificação “SURF+SEGURO”, uma forma importante de dar mais segurança a pratica do surf através de técnicas básicas de prevenção em afogamento, salvamento aquático com prancha e primeiro socorros aos surfistas.
• SURF+SEGURO, trata-se de um programa permanente de segurança no surf – A maior preocupação de pais ao colocar seus filhos a surfar, é que tenham segurança para isto. Esta é a principal razão de procurarem as escolas de surf – um ambiente de aprendizado com maior segurança.

QUEM OFERECE O PROGRAMA E SUAS FERRAMENTAS?
Em 1995, pensando nesta catástrofe anual brasileira, que deve ser interrompida, um grupo de profissionais médicos, guarda-vidas e outros profissionais atuantes na área aquática fundaram a SOBRASA – SOCIEDADE BRASILEIRA DE SALVAMENTO AQUÁTICO, uma entidade sem fins lucrativos, que atua como órgão de convergência na prevenção de afogamentos e acidentes, de todas as atividades de esporte, lazer e trabalho na área aquática, agindo em prol de reduzir esta tragédia do Afogamento. Em seu quadro possui os melhores especialistas brasileiros com presença em 25 estados da federação e com atuação internacional, na “International Lifesaving Federation” – ILSF e “International Drowning Researcher´s Alliance” – IDRA.
Veja nosso vídeo institucional

SUAS VANTAGENS COM A ADESÃO AO PROGRAMA SURF+SEGURO
1. Prevenção para algo que não tem preço – A VIDA
2. Captação de novos clientes pela maior segurança oferecida.
3. Reconhecimento da sociedade e reforço na imagem institucional.
4. Aumento na segurança da escola transmitido aos alunos.
5. Maior retorno de mídia espontânea a instituição por atividade nobre.
6. Diferencial de conteúdo no ensino do surf ao aluno com valor agregado a preservação da vida em ambientes aquáticos.
7. Melhor interação da família com a instituição – oportunidade da família se inteirar dos valores ensinados em sua instituição.
8. Oportunidade de participar de processo inédito a nível mundial.

COMO GESTOR DA ESCOLA DE SURF VOCÊ TEM 2 OPÇÕES PARA ADERIR AO PROGRAMA:
1. ADERIR a campanha adotando apenas uma medida de segurança (seu logotipo estará junto com as outras instituições que já aderiram (custo ZERO), (manifeste seu interesse e nos envie seu logotipo para sobrasa@sobrasa.org>), e/ou

2. CERTIFICAR sua escola com o selo de segurança SURF+SEGURO atendendo a todas as 6 exigências da campanha (veja mais abaixo), e assim obter toda segurança e promoção que fazemos deste seu sucesso. Isto pode ser feito de uma única vez ou paulatinamente ao longo de meses (veja custo de CERTIFICAÇÃO ao final). O processo será auxiliado por um consultor técnico nosso que fará a ajuda e certificação final.

Você pode começar aderindo gratuitamente e com o tempo optar por garantir sua certificação. Além dos mecanismos aqui descritos, há outros que a escola poderá desenvolver a fim de aumentar o nível de segurança de sua escola e por conseqüência, de seus alunos. Lembramos sempre que, em se tratando de segurança, não há limites, quanto maior a garantia melhor.

PROCEDIMENTO PARA SOLICITAR A CERTIFICAÇÃO SURF+SEGURO
O responsável pela escola de surf deverá se candidatar a certificação, e para isto deverá atender e cumprir as 6 exigências especificadas neste roteiro.
1. Verifique se sua escola atende todos os 6 níveis de exigência abaixo. Em caso de dúvida, nos envie um email solicitando mais esclarecimentos ou informações. Se a escola preencher todos os 6 itens exigidos a escola deverá solicitar a vistoria de um representante da SOBRASA, que verificará in-loco se todos os requisitos são atendidos, assinando um termo de compromisso com a Sobrasa.
2. Estando de acordo com nossas exigências de certificação, o solicitante deverá realizar depósito da taxa de certificação, em nome da Sobrasa (veja ao final), e lhe enviaremos o certificado válido por 1 ano. Ao término de 1 ano da avaliação a instituição deverá solicitar uma nova visita para re-certificação e atualização.

Compromisso da ESCOLA após receber sua certificação SURF+SEGURO
1. Manter anualmente a qualidade dos 6 itens exigidos para certificação.
2. Ajudar a promover a prevenção de afogamentos como um multiplicador da mensagem dentro da comunidade.
3. Não falar em nome da Sobrasa, se não autorizado, mas somente em nome das mensagens de prevenção.
4. Promover workshops SURF-SALVA entre seus alunos, surfistas locais e comunidade próxima.

ITENS EXIGIDOS A CERTIFICAÇÃO DA ESCOLA SURF+SEGURO

1

Curso de SURF-SALVA PRO com 12 h/aula – 80% dos instrutores da escola deverão possuir o curso SURF-SALVA AVANÇADO para instrutores de surf, e 100% deverá ter o módulo on-line gratuito ministrado pela SOBRASA. Este curso terá um mínimo de 10 h, sendo 50% on-line e 50% prático na praia. Para agendamento da parte prática com a Sobrasa, o aluno deverá fazer toda a parte teórica primeiro e ter 90% de acerto na prova que deve ser enviada ao gestor da escola que manterá isto como documento comprobatório. Faça a parte teórica e prova clicando na figura abaixo.

Comprovante do item: Certificado SURF-SALVA-PRO (emitido mediante nota final da prova (print da tela) com aferição > 80% de acerto + realização do curso presencial com bom desempenho).

2

Relação instrutor/aluno e tipo de prancha
A escola durante seu funcionamento na praia deverá manter uma relação de 1 instrutor para cada 10 alunos fora da água. Dentro da água a relação deverá seguir conforme a experiência dos alunos. A prancha é a maior forma de trauma para o aluno, devendo seguir o uso mais adequado.
• Alunos com deficiência física/mental, < de 7 anos ou que nadem nada: 1 instrutor para cada aluno – prancha soft
• Alunos em iniciação: 1 instrutor para cada 4 alunos – pranchas soft
• Alunos já iniciados: 1 instrutor para cada 5 alunos – pranchas soft ou fibra
• Alunos/atletas: 1 instrutor para cada 12 alunos – pranchas de fibra
Esta relação é proposta para um mar em condições normais (menor de 1m de ondas sem riscos grandes identificados), onde a freqüência de banhistas no local seja pequena de forma a não aumentar riscos de trauma tanto ao banhista quanto ao aluno.

Definição de iniciado: Todo aluno que domina os fundamentos básicos do surf (remar, virar, entrar na onda, fazer parte da onda, se posicionar no pico, e outros)
Comprovante do item: Termo de compromisso assinado pelo gestor da escola (esta pagina impressa com o de acordo do gestor da escola)

3

ATESTADO MÉDICO DE SAÚDE (preferido) ou TERMO DE COMPROMISSO e ANAMNESE de cada aluno que permita maior segurança nas atividades dentro da água. Lembre-se que o PAR-Q foi criado para exercício em academias, ou seja, fora do ambiente de alto risco que é ter a perda de consciência e estar dentro da água. O atestado médico reduz a possibilidade de um mal súbito dentro da água. Veja anexo I – Termo de compromisso e anamnese
Comprovante do item: Termo de compromisso assinado pelo gestor da escola (esta pagina impressa com o de acordo do gestor da escola)

4

  Plano de contingencia para resgates e atendimento de suporte avançado de vida
A escola deverá elaborar um plano de acionamento profissional a guarda-vidas e unidade de atendimento hospitalar mais próxima para caso de urgência, bem como meios de rápido acionamento (telefone de fácil acesso, por exemplo). Descreva seu plano de ação caso a prevenção falhe e seus instrutores tiverem que acionar socorro em caráter de emergência. Veja anexo II – Sugestão de um plano de contingencia em incidentes no surf.
Comprovante do item: Apresentar um plano de contingencia assinado.

5

  Aplicar e obedecer fielmente o sistema de sinalização de segurança no mar
Deverá ser respeitado o sistema de bandeiras (verde, amarelo e vermelho) empregado pelos serviços de salvamento aquático (guarda-vidas) a fim de serem identificadas de pronto as condições do mar pelos alunos, comprometendo-se ainda a não ministrar aulas durante a vigência da bandeira vermelha. É sugerido o uso de duas bandeiras quadriculadas indicando a área como de atividade de escola de surf sujeita a maior número de traumas. No caso de mais de uma escola no local ou impossibilidade de usar duas bandeiras, utilizar apenas uma em frente ao local de maior atividade.
Comprovante do item: Termo de compromisso assinado pelo gestor da escola (fornecido pela Sobrasa)

6

  Promover uma vez por semana, uma ou mais medidas de prevenção, resgate e/ou primeiros socorros aos alunos. Promover workshops SURF-SALVA com alunos, surfistas e comunidade local a pedido da Sobrasa.
1. Evite surfar com doença ou após ingerir bebidas alcoólicas ou drogas.
2. Aprenda a prevenir, resgatar e aplicar primeiros socorros sem se expor – curso SURF-SALVA.
3. Tome conhecimento e obedeçam as sinalizações na praia.
4. Verifique as condições do tempo e perigo local como, pedras, recifes, coral, animais marinhos antes de entrar.
5. Surfe sempre acompanhado.
6. Esteja pronto a poder soltar o estrepe (leash) se ficar preso em alguma pedra ou se enrolar no pescoço.
7. Surfe sempre que possível perto a um posto de guarda-vidas e pergunte o local mais seguro.
8. Em caso de ondas não solte a prancha caso haja alguém atrás de você.
9. Se tiver outro surfista vindo em sua direção na onda, prefira sempre ir em direção a espuma, pois será mais seguro a você.
10. Se a queda for inevitável procure: Afastar-se da prancha – proteja sempre a cabeça; Não deixe o estrepe enrolar no pé, na mão ou principalmente no pescoço; Afunde na queda e suba sempre com a mão na frente da cabeça; Evite mergulhar de cabeça em local raso, mas se inevitável, coloque sempre a mão antes da cabeça.
11. No caso de alguém estar embaixo da onda, procure não fazer brincadeiras ou manobras arriscadas.
12. Evite saída por pedras, se possível saia sempre pelo banco de areia.
13. Saia da água em caso de relâmpagos ou trovões.
14. Mais de 85% dos afogamentos ocorrem em correntes de retorno. Saiba como reconhecer.
15. Sempre que possível avise o profissional (193) antes de iniciar qualquer socorro na água.
Comprovante do item: Termo de compromisso assinado pelo gestor da escola (esta pagina impressa com o de acordo do gestor da escola)

CUSTOS DE CERTIFICAÇÃO (em forma de doação)

CURSO SURF-SALVA AVANÇADO – R$ 150,00 por aluno (inclui certificado), mínimo de 12 alunos por curso (*,&).

CERTIFICAÇÃO DA ESCOLA – Dois salários mínimo vigente (inclui consultoria e certificação) (*).

Caso a escola solicitante seja fora das capitais ou em local que a Sobrasa não possua um certificador a solicitante terá de arcar com as despesas de deslocamento, alimentação e hospedagem do Certificador durante a execução da avaliação.
(*) Desconto de 30% as escolas filiadas a ASSOCIAÇÃO ESTADUAL DE ESCOLAS DE SURF, que deverá ser membro da Federação Estadual de Surf.
(&) 20% do valor apurado serão repassados pela Sobrasa a escola sede do local (caso tenha local apropriado, que não inclui a praia) responsável pela organização do curso SURF-SALVA AVANÇADO para fins de cobertura de despesas.


matérias SURF-SALVA